Categorias

Renovação de concessão da ferrovia prevê R$ 7 bi de investimentos e empregos

DCIM100MEDIADJI_0007.JPG

Prefeito Juninho comemora a decisão que deverá beneficiar Rio Claro também com transferência das oficinas.

O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou na quarta-feira (27) a renovação antecipada do contrato de concessão ferroviária da Malha Paulista da Rumo Logística, empresa do Grupo Cosan. O contrato, que venceria em 2028, ganhou mais 30 anos e será estendido até 2058. A medida prevê investimentos de mais de R$ 7 bilhões para a realização de obras de ampliação da capacidade e de resolução de conflitos urbanos nas 33 cidades paulistas que são atravessadas pela ferrovia, entre elas Rio Claro. A previsão é de gerar 131 mil empregos no estado.

Publicidade

A notícia foi bem recebida pelo prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, que acredita que essa injeção de recursos trará benefícios ao município e também ao estado de São Paulo. “É uma ótima notícia para a nossa cidade e também para o nosso estado. Com a renovação da malha paulista, serão feitos muitos investimentos com impacto positivo no desenvolvimento econômico e na geração de empregos das cidades”, comenta Juninho.

De acordo com ele, a aprovação do TCU é mais um passo para concretizar a transferência das oficinas ferroviárias da região central de Rio Claro para o Jardim Guanabara. “Esse projeto atende anseio da sociedade e poderá acabar com os conflitos urbanos que acontecem hoje na região. A área ocupada pelas oficinas poderá se transformar em uma grande avenida e prédios comerciais desenvolvendo a economia e a mobilidade urbana de nossa cidade”, avalia o prefeito.

O assunto vem sendo acompanhado de perto pelo prefeito Juninho da Padaria, que em diferentes momentos discutiu o tema com o governador João Dória, o vice-governador Rodrigo Garcia, com representantes da empresa Rumo e os ministros Augusto Nardes (do TCU) e Tarcísio Gomes de Freitas (dos Transportes). Os prefeitos das cidades de Hortolândia e Sumaré também participaram das reuniões.

O assunto também vem sendo acompanhado pela Câmara Municipal pelo presidente André Godoy e o vereador Val Demarchi. “Estamos acompanhando de perto esse processo cujo resultado é tão importante para Rio Claro. Com a renovação antecipada, o município receberá altos investimentos promovendo desenvolvimento econômico e geração de emprego e renda na cidade”, destaca André Godoy, lembrando que o andamento do projeto em Rio Claro só foi possível com o apoio dos vereadores que aprovaram alteração do Plano Diretor para que a região do Guanabara tivesse condições legais de receber as novas oficinas ferroviárias.


Comentários:


Outras notícias