Categorias

Equipe de robótica do Koelle faz visita ao prefeito no paço municipal


Equipe venceu a etapa estadual do torneio de robótica First Lego League.

O prefeito de Rio Claro, João Teixeira Junior, recebeu na quinta-feira (20) a equipe Koelle Pandas, campeã da etapa estadual do torneio de robótica First Lego League. A equipe conquistou o primeiro lugar na classificação geral da competição, obtendo a premiação Champion’s Award, além de ficar em primeiro lugar na categoria “Desafio do Robô”.

A etapa estadual foi realizada no início deste mês em Indaiatuba com a participação de 32 equipes de escolas públicas e particulares. Com a conquista, a equipe Pandas foi classificada para disputar a etapa nacional que será realizada nos dias 6, 7 e 8 de março em São Paulo.

Publicidade

O prefeito Juninho cumprimentou a equipe pela conquista e ressaltou a importância da experiência do trabalho em equipe que valerá para a vida. “É muito gratificante ver o envolvimento dos jovens nos problemas da cidade e buscando soluções. Se quisermos mudar a sociedade, precisamos mudar as pessoas e isso é feito através da educação”, disse Juninho aos estudantes.

O torneio de robótica First Lego League desafia estudantes a identificarem um problema na cidade e buscarem uma solução usando a tecnologia. O problema encontrado pela equipe Pandas foi que “devido à falta de ocupação dos espaços públicos existe pouca segurança” nesses locais. Como solução os estudantes criaram um aplicativo, o Sigmap, que mostra soluções e informações sobre os espaços públicos.

“O aplicativo possui uma aba de pesquisa na qual os usuários podem pesquisar o que desejam fazer no dia com opções de lugares”, explica o professor Sérgio Barbosa, técnico da equipe. Cada lugar tem uma breve descrição com informações sobre endereço, horário de funcionamento etc. “O APP também conta com uma aba de eventos que podem ser adicionados pelo próprio APP ou pelo usuário do aplicativo”, informa Paula Rodrigues, também técnica da equipe.

O secretário municipal da Educação, Adriano Moreira, observou que mais importante que o resultado no torneio são as perspectivas criadas. “Essa experiência científica de pesquisa é um aprendizado que não se perde e que será muito útil na universidade, além do projeto estar contribuindo com o coletivo”, disse.

A equipe Koelle Pandas é formada pelos estudantes José Victor Cagani, Caio Gasbarro, Giulia Matteoni, Henrique Zanão, Naomi Shimizu, Murilo Macena, João Guilherme Zeni, João Paulo Jacomini e Marina Garcia. Também participaram da atividade no paço municipal Osmar Garcia, Monica Christofoletti e Paulo Apolari, diretores da Secretaria da Educação.


Comentários: