Categorias

Garoto de 12 anos morre com suspeita de ‘raiva humana’ 

Nesta segunda-feira (4), um garoto indígena de 12 anos, morreu com suspeita de raiva humana, na cidade de Teófilo Otoni (MG).

Segundo informações do médico emergencistas Rodrigo Lobo Silva, o menino teria relatado que havia sido mordido por um morcego há cerca de 10 dias ao dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Teófilo Otoni no domingo (3).

Ainda de acordo com o relato do médico, o adolescente foi levado até a unidade por uma ambulância de Machalis (MG). Ele estava confuso e apresentava sinais de agressividade.

Publicidade

A família não soube precisar como ele teria sido mordido pelo animal. 

O corpo do menino foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) e foi coletado material para apontar as causas da morte. 

Por morar em uma aldeia, não se pode descartar doenças como dengue, febre do carrapato entre outras, porém Silva acredita que o caso seja de raiva humana. “Infelizmente, os casos de raiva humana são 100% fatais. A gente não tem histórico de cura da raiva. Alguns materiais foram coletados para exames mais específicos”, explicou ao portal.

Fonte: Rápido no Ar


Comentários: