Categorias

Homem que teve ferimentos na cabeça morre após 89 dias internado em Rio Claro

Crédito: Grupo Rio Claro - SP

Nesta segunda-feira (11), por volta das 17h05, morreu Paulo das Neves Curticeiro de 52 anos, que estava internado desde 13 de abril, após ser encontrado com a cabeça ensanguentada e socorrido pelo SAMU, na Avenida 56, na Vila Olinda, em Rio Claro (SP).

Conforme as informações do Boletim de Ocorrência, compareceu na Central de Polícia Judiciária o filho de Paulo, relatando que nesta segunda-feira (11), foi constatando a morte de seu pai pelo médico da Santa Casa, as 17h05. Sendo registrada a ocorrência como lesão corporal seguida de morte.

ENTENDA SOBRE O OCORRIDO

Publicidade

No dia 13 de abril, em uma quarta-feira, a equipe da Guarda Civil Municipal informou que foi acionada pelo SAMU para prestar auxílio na Vila Olinda, onde se encontrava a vítima Paulo com ferimentos graves na cabeça e ensanguentado. Foi acionada a perícia no local, onde compareceu a Perita e o Fotógrafo. O paciente foi encaminhado à UPA do Jardim Cervezão, onde ficou em observação e a médica informou que os ferimentos aparentavam ser de agressão.

Na época do ocorrido, a testemunha D. informou que morava há 30 dias com a vítima para ajudá-lo, porém, naquela, madrugada dormiu na casa da namorada.

Foi feito contato com a testemunha A., morador da casa ao lado, que relatou que o monitoramento da residência não estava funcionando, bem como afirmou que não ouviu nenhum barulho estranho na madrugada, porém, acrescenta que visualizou mais de uma vez alguns indivíduos adentrando o local, sendo indivíduos que se encontram em situação de rua e que frequentam o pontilhão da Rua 6, no Cervezão.


Comentários:


Outras notícias