Categorias

PF deflagra operação contra organização criminosa em MG e Rio Claro

Nesta manhã de quarta-feita (27), a Polícia Federal deflagrou uma operação contra uma organização criminosa especializada em fraudar recursos de Instituto de Previdência. Sendo cumpridos 9 mandados de busca e apreensão em Pouso Alegre (MG) e 1 em Rio Claro (SP). Esta é a segunda etapa da operação Encilhamento. 

Segundo as informações da PF, os mandados foram expedidos pela 4ª Vara Federal Criminal da Seção Judiciária em Minas Gerais. O objetivo é colher provas da ação do grupo criminoso sobre aplicações de recursos do Instituto de Previdência de Pouso Alegre (Iprem), no período de 2012 a 2018. 

A investigação é um desdobramento da operação Encilhamento realizada pela Polícia Federal em São Paulo, em 2018.

Publicidade

A investigação apurou fraudes envolvendo a aplicação de recursos de Institutos de Previdência Municipais em fundos de investimento com debêntures sem lastro emitidas por empresas de fachada que podem ultrapassar o valor de R$ 1,3 bilhão. A debênture é um título de dívida que gera um direito de crédito ao investidor. 

Segundo a Polícia Federal, os suspeitos poderão responder por associação criminosa, corrupção passiva, corrupção ativa, fraude à licitação e gestão fraudulenta.

Fonte: G1


Comentários:


Outras notícias