Categorias

Saúde de Rio Claro abre inscrições para concurso de agentes comunitários


Inscrições podem ser feitas pela internet a partir desta quarta-feira.

A Fundação Municipal de Saúde de Rio Claro está abrindo concurso público para contratação de 20 agentes comunitários de saúde, que atuam no fortalecimento do elo entre a comunidade e os serviços de saúde. As pessoas interessadas em concorrer às vagas podem se inscrever a partir desta quarta-feira (11) pelo site do Instituto Mais (www.institutomais.org.br). O período de inscrição será de 11 de março a 13 de abril, exclusivamente pela internet. A taxa custa R$ 49,00.

“Depois de chamar médicos e outros profissionais, estamos abrindo concurso para suprir a demanda de pessoal nas unidades de saúde com o objetivo de melhor atender a comunidade”, comenta o prefeito João Teixeira Junior, lembrando que contratações também têm sido feitas pela prefeitura. “Desde o início do ano mais de 100 candidatos já foram convocados para diversos setores da prefeitura”, informa Juninho.

Publicidade

Para se inscrever o candidato precisa ter mais de 18 anos e ensino médio completo. A remuneração é de R$ 1.400,00 por mês por uma jornada de trabalho de 40 horas semanais, mais vale alimentação. Estão sendo disponibilizadas vagas para as unidades de saúde de Assistência (2 vagas), Bonsucesso (3), Guanabara (1), Jardim Novo (6), Mãe Preta (1), Santa Elisa (1) e Terra Nova (6). “Os profissionais vão trabalhar na região que compreende o atendimento das unidades”, explica o secretário municipal de Saúde, Mauricio Monteiro.

As provas serão aplicadas no dia 17 de maio no período da tarde para todos os cargos. Os candidatos aprovados passarão por curso de formação inicial, de caráter eliminatório, em data a ser definida. Somente após a realização do curso será publicada a classificação final do concurso. O certame terá validade de dois anos podendo ser prorrogado uma única vez por igual período.

O edital com as regras do concurso pode ser conferido no Diário Oficial de Rio Claro (www.rioclaro.sp.gov.br/diariooficial), bem como nos sites do Instituto Mais (www.institutomais.org.br) e da Fundação de Saúde (www.saude-rioclaro.org.br).


Comentários: